Início Facebook Site E-mail

domingo, 16 de dezembro de 2012

MAQUIAGEM BROKEN DOLL





Desenvolvi esta maquiagem que a Sílvia Navarro me solicitou para uma apresentação que ela fará  com seu marido, Emídio Navarro no projeto Sangria. 

Assim como todas as makes que eu faço, usei os produtos do ATELIER PARIS, que, para quem não sabe,  é a linha de produtos e escola de maquiagem que representamos aqui em Minas Gerais.

Pois bem, eu adoro desenvolver trabalhos e parcerias com artistas. Já conhecemos e adoramos o trabalho do Emídio há muito tempo. Foi um prazer conhecer e produzir a alma gêmea dele, a não menos talentosa Sílvia Navarro.  Eles me solicitaram uma maquiagem de 'boneca quebrada, detonada',  que combinasse com o figurino (vestido vermelho customizado pela Izabela Naira).



Resolvi fazer o olho com sombra preta e pigmento preto-esverdeado do Atelier Paris. Para uma boca que não borrasse, usei o batom em bastão longa duração e waterproof de cor vermelha, também do Atelier.

Para aumentar os olhos, fiz, embaixo da linha dos cílios inferiores,  um desenho branco com sombra aquarela e colei cílios onde o desenho termina. 



 As rachaduras foram feitas com o delineador em Gel, da mesma marca. Não ficaram excelentes, ainda tenho que treinar muito.

A pele da Sílvia é muito clarinha, usei a base 3Y que foi fixada com o finíssimo pó da nossa linha neutra A.

Resolvi colocar o lacinho de fita vermelho e o colar com contas em forma de lágrima para completar o visual.



Não podíamos deixar de fotografar para guardar e postar para vocês!

Confiram mais fotos feitas neste ensaio pelo Jean-Pascal e editadas por mim no camera raw e photoshop.









sexta-feira, 9 de novembro de 2012

SOMBRA TONS FRIOS


Camila Soguim


Esta make de inspiração aquática foi feita na Camila com tons das paletas de tons turquesas, a de tons azuis e a de tons black and white  do ATELIER PARIS.




O delineador do ATELIER foi usado para fazer o desenho dos cílios.





CONFIRAM AS FOTOS COM MINHA EDIÇÃO...







CRÉDITOS: STUDIO LE GRAIN
FOTOGRAFIA: JEAN-PASCAL (LE BRETON)
MAKE E PRODUÇÃO: KRIS XIVA
MODELO: CAMILA SOGUIM

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

PENTEADOS DE FESTA


Muitas das minhas clientes chegam cheias de dúvidas com relação ao penteado que desejam .... por causa disso eu resolvi fazer este e outros posts sobre diversos tipos de penteados de festa (clássicos, modernos, arrojados, despojados...) que encontrei em minhas pesquisas feitas na internet. 






















domingo, 4 de novembro de 2012

PENTEADOS ARTÍSTICOS

Durante minhas pesquisas pela net eu achei estas fotos de penteados incrivelmente criativos e estou divulgando para os leitores de meu blog que porventura desejem idéias de produções para desfiles ou ensaios fotográficos diferentes...

















quarta-feira, 31 de outubro de 2012

BATOM, GLAMOUR, TERNURA E BELEZA...

MAX FACTOR,- 1950  e  FUTURAMA - publicidade da REVLON de 1957 



Se o uso do batom está conectado às duas grandes guerras mundiais do século XX, ele está também ligado ao cinema e ao fenômeno da publicidade.

Fenômeno da moda e dos movimentos artísticos que atravessaram a metade do século passado, o batom, fixado na tela da sétima arte, começou também a ser usado nas ruas. 

A mulher o usou, inicialmente como uma arma para se afirmar e marcar sua identidade como mulher livre. Foi sobretudo a partir da segunda guerra mundial que as mulheres ousaram usar livremente o batom. 

MAX FACTOR - 1960

Hollywood era dominado por maquiadores  como Max Factor ou Bud Westmore e os monstros sagrados do cinema americano como Ava Gardner, Marilyn Monroe, Lauren Bacall, Tippi Hedren, Grace Kelly, Elizabeth Taylor ou ainda Rita Hayworth... Personagens que coloriram o inconsciente coletivo feminino europeu, particularmente na França.

A parisiense new look se identificou com estas vedetes estampadas nos jornais... O batom não era mais o símbolo das mulheres levianas e mundanas...  Ele passou a ser o acessório essencial de toda mulher elegante.


BLACKAMOOR - Estojo de batom combinando com a bolsa - 1950


O PAPEL DO CINEMA

Graças ao cinema, os valores foram sendo modificados. No famoso filme ‘Breakfast at Tiffany´s, de 1961, Audrey Hepburn (no papel de Holly Golightly) simbolizou a mulher livre cuja elegância é codificada pela  frase:  ‘Hand me my purse, will you, Darling? A girl can´t read  that sort of thing without her lipstick’…

As grandes estrelas de Hollywood inspiraram as empresas de cosméticos que passaram a vender suas coleções de batom usando as imagens das atrizes ou apresentando o luxo sofisticado de seus estojos criados por grandes joalheiros.




Célebres pintores e ilustradores também colaboraram com seus talentos na promoção do uso do batom.

Revlon editou, de 1961 a 1962  uma coleção de batons representando uma ´serie de bonecas estilizadas. Cada boneca representava uma celebridade da época.  



Traduzido e Adaptado do livro "LÈVRES DE LUXE" de JEAN-MARIE MARTIN-HATTEMBERG por KRIS XIVA.